Vereador Andinho: “Não temos nada contra o Marcus Vicente, mas o desportista levou nosso futebol para o fundo do poço”.

0

Depois que o presidente da CBF Ricardo Teixeira pediu demissão, é a vez do neo vitalício presidente da Federação de Futebol do Espírito Santo Marcus Vicente (PP), fazer o mesmo. È isto que pensa o vereador de Vila Velha Andinho Almeida (PMDB), e ex-secretario de esportes da cidade. Segundo o parlamentar já vai para meio século que Vicente comanda os destinos do futebol profissional capixaba, que esta na serie D do Brasileirão.

Junto com vários políticos e lideranças esportivas, Andinho inicia a formatação da Frente de Libertação do Futebol Capixaba (FLFC), cuja meta principal é a renuncia de toda diretoria da federação e a convocação imediata de nova eleição: “O Marcus já deu a contribuição dele ao futebol capixaba. Se o poderoso Ricardo Teixeira caiu, porque ele não cai? Por falta de ação dos desportistas capixabas”.

Para se mobilizar após o carnaval Andinho pretende convocar desportistas como Marcio Almida seu irmão que já foi dirigente da Desportiva Ferroviária, Antonio Perovano ex-dirigente do Vitoria, Juninho Geraldo vice-prefeito de Cariacica, a imprensa esportiva, os jogadores, os árbitros e demais, para uma reunião ampliada na Câmara de Vila Velha: “não temos nada contra o cidadão e o político Marcus Vicente. Mas o desportista, levou nosso futebol para o fundo do posso, isto é inquestionável”.

Andinho acha que com uma mudança na Federação de Futebol o torcedor se motivaria, para com um bom estádio como o novo Kleber Andrade, o publico se motivaria: “o Governo do Estado esta fazendo sua parte, construindo um estádio, a sociedade deve fazer o mesmo, ir para as ruas e repudiar a presidência eterna de Vicente”.

 

 

Fonte: Gazetadonorte

COMPARTILHE